Resolução BACEN Nº 4891 DE 26/02/2021


 Publicado no DOU em 1 mar 2021


Define limite global anual para contratação de operações de crédito com os órgãos e entidades do setor público em 2021, a ser observado pelas instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Recuperador PIS/COFINS

O Banco Central Do Brasil, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31 de dezembro de 1964, torna público que o Conselho Monetário Nacional, em sessão realizada em 25 de fevereiro de 2021, tendo em vista as disposições do art. 4º, incisos VI e VIII, da mencionada Lei,

Resolve:

Art. 1º O Anexo à Resolução nº 4.589, de 29 de junho de 2017, passa a vigorar com as alterações constantes no anexo a esta Resolução.

Art. 2º A Resolução nº 4.589, de 2017, passa a vigorar com a seguinte alteração:

"Art. 5º .....

.....

§ 2º .....

.....

IV - operações de crédito que se destinem exclusivamente à reestruturação ou à recomposição do principal de dívidas contratadas por órgãos e entidades dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, no âmbito do Sistema Financeiro Nacional, com instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil." (NR)

Art. 3º Esta Resolução entra em vigor em 1º de março de 2021.

ROBERTO DE OLIVEIRA CAMPOS NETO

Presidente do Banco Central do Brasil

ANEXO

Anexo à Resolução nº 4.589, de 29 de junho de 2017)

Limite anual para contratação de operações de crédito para os órgãos e entidades do setor público a ser observado pelas instituições financeiras e demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Ano Operações com garantia da União Operações sem garantia da União Total
2018 Até R$ 13.000.000.000,00 Até R$ 11.000.000.000,00 Até R$ 24.000.000.000,00
2019 Até R$ 13.500.000.000,00 Até R$ 11.000.000.000,00 Até R$ 24.500.000.000,00
2020 Até R$ 9.000.000.000,00 Para órgãos e entidades dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios Até R$ 11.000.000.000,00 Até R$ 20.400.000.000,00
Para órgãos e entidades da União Até R$ 400.000.000,00
2021 Até R$ 9.000.000.000,00 Para órgãos e entidades dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios Até R$ 11.000.000.000,00 Até R$ 20.500.000.000,00
Para órgãos e entidades da União Até R$ 500.000.000,00